PROGRAMA NACIONAL DE FORMAÇÃO EM RADIOTERAPIA

Apresentação

O Ministério da Saúde aponta para um cenário bastante preocupante quanto ao aumento na incidência de casos de câncer no Brasil. Estima-se que, em 2016, haverá mais de quinhentos e oitenta mil novos casos da doença no país. Com o intuito de atender à crescente demanda de pacientes do SUS a serem submetidos à Radioterapia em todo o território nacional, o Ministério da Saúde adquiriu 80 aceleradores lineares, os quais deverão ser instalados em estabelecimentos hospitalares públicos ou filantrópicos contemplados no Programa de Expansão da Radioterapia no SUS.

Diante desse panorama, a Fundação do Câncer, alinhada à sua missão, apresentou e obteve aprovação do projeto “Programa Nacional de Formação em Radioterapia”, junto ao PRONON / Ministério da Saúde, com o objetivo de formar, qualificar e atualizar profissionais para um trabalho de alto nível na área de Radioterapia. Parcerias importantes com o Instituto Nacional de Câncer (INCA) e a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) foram firmadas e está em curso o estabelecimento de outras parcerias para dar ampla visibilidade ao Projeto.

Assim, a Fundação do Câncer convida os estabelecimentos de saúde públicos e filantrópicos contemplados no Plano Nacional de Expansão da Radioterapia no SUS/MS e estabelecimentos de saúde públicos, filantrópicos e privados credenciados pelo SUS, por meio de seus profissionais, a entrarem nesta atmosfera de aprendizado, de troca de experiências e de trabalho intenso.

O compromisso da Fundação do Câncer, neste projeto, é com a qualidade do conhecimento a ser transferido aos profissionais selecionados das cinco regiões do país, os quais poderão atuar como agentes multiplicadores em seus locais de trabalho.

Neste sentido, este projeto conta com uma equipe multidisciplinar de professores e profissionais sintonizados com os objetivos propostos e representa uma oportunidade a todos os profissionais que primam pela qualidade em seus processos de trabalho na área de Radioterapia.

Esperamos que a sua Instituição faça parte deste Projeto pioneiro, que está sendo disponibilizado por esta Fundação e financiado pelo PRONON/Ministério da Saúde.

Saudações a todos,

Luiz Augusto Maltoni Prof. Carlos Eduardo de Almeida, PhD
Diretor Executivo Coordenador Científico do Projeto
Fundação do Câncer Fundação do Câncer

 

EM BREVE

Este conteúdo estará disponível em breve no nosso site;